Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Tocando Agora:
Fale conosco via Whatsapp: +5588 99990-9797
No comando: VARJOTA AO SOM DA VIOLA

Das 05:00 às 06:00

No comando: O DOMINGO É NOSSO

Das 06:00 às 10:00

No comando: O VARJOTENSE – DIEGO BINO

Das 06:30 às 08:00

No comando: HITS 98

Das 08:00 às 10:00

No comando: SUPER MANHÃ – DIASSIS PONTES

Das 08:00 às 11:00

No comando: FALA GALERA

Das 10:00 às 11:00

No comando: MANANCIAL

Das 10:00 às 12:00

No comando: ARENA DO ESPORTE

Das 11:00 às 12:00

No comando: ESPORTE TOTAL

Das 11:00 às 12:00

No comando: POR DENTRO DO ASSUNTO

Das 12:00 às 12:40

No comando: CELEBRANDO A CRISTO

Das 12:00 às 14:00

No comando: TRIBUNA DO POVO

Das 12:00 às 14:00

No comando: SAUDADE COM STYLLUS

Das 12:40 às 15:00

No comando: A TARDE É SUA

Das 14:00 às 15:00

No comando: IGREJA MADUREIRA

Das 14:00 às 16:00

No comando: AS MELHORES DA SEMANA

Das 15:00 às 17:00

No comando: SHOW DA TARDE

Das 15:00 às 17:00

No comando: PACOM

Das 16:00 às 19:00

No comando: BREGÃO DA STYLLUS

Das 17:00 às 19:00

No comando: EITA FORROZÃO

Das 17:00 às 19:00

No comando: A VOZ DO BRASIL

Das 19:00 às 20:00

No comando: SANTA MISSA

Das 19:00 às 20:30

No comando: SELEÇÃO MUSICAL

Das 19:00 às 22:00

No comando: POP DJ

Das 20:30 às 22:30

No comando: LOVE NIGHT – LOVE IS IN THE AIR

Das 21:00 às 23:00

Menu

Quer trabalhar na Netflix? A empresa tem um aviso a fazer

ANetflix atualizou as diretrizes da cultura da empresa para que esta área inclua “expressão artística”, avisando potenciais interessados em trabalhar para a empresa que poderão ser confrontados com projetos com os quais não concordem.

A empresa reportou recentemente a primeira queda no número de inscritos na plataforma da última década, o que levou a Netflix a tomar decisões de ‘cortar’ uma série de projetos e a apostar em conteúdo que possa ser mais do agrado dos seus membros.

A Netflix reconhece, todavia, que esta maior abrangência de conteúdo poderá levar alguns trabalhadores a ficarem desconfortáveis com a empresa – algo que fica claro nos novos termos introduzidos na área da cultura da empresa.

“Nem todo mundo gostará – ou concordará – com tudo o que temos no nosso serviço. Deixamos os espectadores decidirem o que é apropriado para eles, em vez de termos a Netflix censurando artistas ou outras vozes”, escreve a Netflix. “Dependendo do cargo, podem ter de trabalhar em títulos que entendem como sendo prejudiciais. Se considerar difícil apoiar a abrangência do nosso conteúdo, a Netflix pode não ser o melhor local para você”.

Ainda não se sabe em que tipo de conteúdos é que a Netflix pretende trabalhar nos próximos tempos mas, com esta novidade, é possível que a empresa venha a arriscar muito mais nos próximos projetos.

Deixe seu comentário:

PUBLICIDADE

Últimas do blog